De acordo com a Fenabrave – federação dos concessionários – as vendas de carros, caminhões e ônibus caíram 20,7% no primeiro semestre deste ano em relação ao ano passado. É o pior resultado desde 2007, quando foram vendidas 1.082.257 unidades.

Em 2004, foram emplacados 1.662.837 veículos entre janeiro e junho, já em 2015 esse número caiu para 1.318.985 no mesmo período. Devido a esta situação, a Fenabrave decidiu revisar para baixo as projeções de vendas no ano.

No 1° semestre, 12 mil empregos foram cortados nas concessionárias e 242 lojas foram fechadas. Segundo a federação, 20 mil cortes são previstos para o ano. Em Goiás, as montadoras Hyundai, em Anápolis, e a Mitsubishi, em Catalão, também tiveram as vendas afetadas nas últimas semanas