Procon divulga pesquisa de preços que apresenta variação de 500% em produtos escolares

A lista de material escolar atinge diretamente o bolso dos trabalhadores metalúrgicos, que tem filhos em idade escolar e precisam ir às compras.

Para auxiliar os pais a economizarem na hora de comprar o material escolar, o Procon Goiás divulgou nesta terça-feira, 3 de janeiro de 2012, uma pesquisa de preços feita em vários estabelecimentos da capital.

Na pesquisa, foi comprovada uma variação de preços de até 500%, referente a um mesmo produto. Isso significa que os consumidores precisam pesquisar antes de efetuar a compra, pois é possível enconomizar até 50% naqueles materiais básicos.

Outro alerta feito pelo Procon está relacionado às listas abusivas. Algumas escolas colocam itens que não fazem parte das necessidades individuais do aluno e , por isso, não devem ser obrigatórios. Produtos como álcool, papel higienico e tinta de impressora são de responsabilidade da escola.

A pesquisa completa está disponível no site do Procon Goiás.

Veja também:

SindMetal-GO dá início às assembleias para a Campanha Salarial de 2012

SindMetal-GO realiza 31º Curso de Formação Sindical

Saiba o que é PLR ou PPR

 

Fonte: Assessoria de Comunicação SindMetal-GO