A assembleia discutiu as reformas e os impactos que elas terão na vida dos trabalhadores

A equipe do SindMetal-GO esteve reunida com os empregados da Metalúrgica Rezende para explicar as mudanças da nova legislação trabalhista. O presidente do SindMetal-GO, Eugênio Francisco, esteve presente no encontro. Os trabalhadores, com o título de eleitor em mãos, puderam assinar a petição pública que será enviada ao Congresso para a derrubada da Reforma Trabalhista, que entrará em vigor no dia 11 de novembro deste ano.

Empregados da Metalúrgica Rezende durante assembleia contra a Reforma Trabalhista

O Sindicato faz questão de ir até às empresas esclarecer as informações sobre a reforma e explicar os pontos da lei que irão prejudicar os trabalhadores. O abaixo-assinado foi distribuído nos 27 estados do país e pretende coletar mais de um milhão e meio de assinaturas para ser encaminhado à Brasília antes da data vigente da lei.

A Reforma Trabalhista possui aspectos que podem prejudicar o trabalhador

São necessárias um milhão e meio de assinaturas para que a lei possa ser revogada

O Sindicato percorrerá todas as empresas para arrecadar o maior número de assinaturas possíveis