Funcionários da metalúrgica Smagon paralisaram as atividades na manhã de ontem para reivindicar melhores condições de trabalho. A interrupção aconteceu entre às 7h e 8h

Funcionários da metalúrgica Smagon paralisaram as atividades na manhã de ontem para reivindicar melhores condições de trabalho. A interrupção aconteceu entre às 7h e 8h. Segundo o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos, Mauro Cesar Pereira, os trabalhadores desaprovam a mudança na jornada de trabalho sem aviso prévio. “Eles voltaram das férias e receberam a informação de que teriam a trabalhar no sábado. Os trabalhadores nem foram consultados a respeito. Esta imposição não pode acontecer”, critica o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos Mauro Cesar Pereira.

A mudança prevê a diminuição da carga horária de segunda a sexta-feira e criação de um turno no sábado. Agora, a jornada de trabalho vai das 7h às 15h20, diferente da antiga que estabelecia atividades das 7h às 17h15. O gerente geral da Smagon, Rodrigo Laureando, conta que a medida foi tomada para aumentar a produtividade e diminuir custos.

Fonte: JM News