Os empregados da Química Amparo aproveitaram a troca de turno para assinar o abaixo-assinado

As assinaturas foram recolhidas durante a troca de expediente da empresa

A campanha para recolher assinaturas contra a Reforma Trabalhista continua a todo vapor. Nesta sexta-feira (6) os trabalhadores da Química Amparo aproveitaram o horário de entrada e saída para assinar o manifesto proposto pelo “Movimento resistência, por um Brasil melhor”. A campanha pretende arrecadar mais de um milhão e meio de assinaturas.

Trabalhadora com o título eleitoral em mãos conseguiu validar sua assinatura na petição

Mesmo com pouco tempo para descanso, os empregados se dedicaram a participar da campanha. O trabalhador Francisco Silvestre parou no portão da empresa e assinou a petição, pois acredita que a resistência é a única chance de mudança: “Não podemos deixar esse povo vencer. Vamos lutar pelos nosso direitos para não morrermos de tanto trabalhar”, disse o funcionário que está revoltado com várias medidas propostas pela reforma.

Francisco não perdeu a oportunidade de participar da campanha

A reforma Trabalhista foi aprovada na noite de 11 de julho deste ano e deve começar a vigorar no início de novembro. O Movimento precisa recolher todas as assinaturas antes desta data. O SindMetal-GO, junto as demais entidades sindicais, federações e confederações espalhadas pelo país, lutarão até o último momento pela preservação e em defesa da Democracia. Durante todo o mês de outubro a equipe de assessoria de base do Sindicato irá percorrer o maior número de empresas possíveis para a coleta de assinaturas.

A ação é promovida em todo o país e todos os eleitores podem assinar o abaixo-assinado