Após 4 dias de greve geral, os trabalhadores da empresa Mitsubishi aprovaram a proposta conquistada pelo SIMECAT em mesa de negociação com os representantes da montadora. Diretoria e ativistas do SindMetal-GO deram apoio durante todo processo, participando das mobilizações propostas pela entidade sindical de Catalão.

O acordo coletivo de trabalho 2016/2017 dos empregados garante aumento salarial de 8,5%, sendo aplicados 6% em janeiro e 2,5% em maio; 8,5% de reajuste no cartão alimentação, que agora vai para o valor de R$ 358,05; cesta dobrada em dezembro; abono de R$ 3.500, sendo 2 mil pagos dia 23/12 e 1 mil em março/2017; reajuste de 8,5% no piso salarial, que passa a ser de R$ 1.573,25.

O acordo também garante estabilidade no emprego de 1° de janeiro a 31 de março e os dias de paralisação devido à greve não serão descontados. Mesmo com o término do movimento paredista, hoje (15) o trabalho se torna facultativo e a fábrica retomará a produção na sexta-feira, 16 de dezembro.