O sindicato vai aproveitar o evento para promover uma caravana a Brasília com operários que estão sendo dispensados pela GM

O sindicato dos metalúrgicos de São José dos Campos, que promove uma campanha contra a possibilidade de demissões em massa na fábrica da General Motors (GM) na região, informou que participará de uma audiência na Comissão de Direitos Humanos do Senado para discutir a situação dos empregados da montadora.

Em nota, a entidade informa que a GM também foi convidada a participar da audiência que, a princípio estava marcada para 12 de setembro, mas acabou sendo adiada e deverá ser realizada no dia 16 de outubro.

 O sindicato vai aproveitar o evento para promover uma caravana a Brasília com operários que estão sendo dispensados pela GM até 30 de novembro.

Uma manifestação também está prevista em São José dos Campos durante o desfile cívico de 7 setembro, na sexta-feira.

O presidente do sindicato, Antonio Ferreira de Barros, quer que a presidente Dilma Rousseff assine medida provisória proibindo demissões em empresas beneficiadas por redução ou isenção fiscal.

Fonte: Folha.com