Durante a negociação coletiva de 2013, o SindMetal-GO se deparou com uma situação complicada, quando um sindicato patronal apresentou-se para negociar uma nova CCT que abrangesse os empregados da indústrias de reparação de veículos e acessórios.