SindMetal-GO garantiu na justiça a data-base da categoria, que foi em 1º de abril

Já se passaram mais de 10 dias desde que a equipe do SindMetal-GO se reuniu com os representantes do sindicato dos patrões para fechar o aumento salarial da categoria representada pelo Sindicato. Desde então, os empresários não estão sendo flexíveis e continuam propondo aumento sob 100% da inflação, sem nenhum outro benefício acrescentado. Portanto, se você, empregado ou empregador, receber a notícia de que o Simelgo fechou aumento salarial com o SindMetal-GO, esteja ciente que esta informação é falsa.

A falta de atitude dos empresários prejudica os trabalhadores, uma vez que a categoria necessita de reajuste salarial, já que o aumento do salário mínimo acarreta alta nos preços em geral, como todo início de ano. Mas o SindMetal-GO assegurou na justiça a data-base, que foi em 1º de abril. Assim que fechar o aumento salarial de 2017, os patrões pagarão o valor retroativo aos empregados.

Enquanto o sindicato dos patrões continua inflexível, o SindMetal-GO tem realizado dezenas de reuniões para fechar Acordos Coletivos de Trabalho. Cerca de 20 empresas já estão em negociações e, no mês passado, os empregados da empresa do grupo JK Montagens e Cemix Ltda. aprovaram aumento de 7% e já recebem o reajuste salarial. O Sindicato continuará lutando e insistindo para que o Simelgo apresente contraproposta de aumento salarial viável e que terá significativa mudança no bolso do trabalhador.

Por João Paulo Dantas