Até o momento Simelgo não apresentou nenhuma contraproposta aos trabalhadores

Finalmente será realizada a primeira e esperada reunião entre os sindicatos representativos de patrões e empregados do setor metalúrgico de Goiânia e Região metropolitana. O encontro será nesta sexta-feira, 21 de março, às 10h na sede do SindMetal-GO

A poucos dias de vencer a data base da categoria (31.03), as partes tentarão fazer em 11 dias o que não conseguiram em 108 dias. É que a Pauta de Reivindicações foi entregue ao sindicato patronal no dia 2 de dezembro e até o momento apenas dois ensaios de encontros foi tudo que restou da estratégia do empresariado.

De acordo com o presidente do SindMetal-GO e líder da equipe de negociação, Roberto Ferreira afirma que a essa altura das negociações o importante é que o sindicato das empresas tenha em mãos uma contraproposta  que seja pelo menos razoável para ser votada pelos trabalhadores. “Não podemos mais permitir que os atrasos ocorridos nos anos anteriores venham causar prejuízos irreparáveis aos trabalhadores, eles têm família e compromissos para pagarem no final do mês, salário não é luxo é questão de sobrevivência”, ressalta Roberto.  

Veja Também: 

> Negociação Coletiva de Trabalho é tema do 53º Curso de Formação Sindical

> SindMetal-GO realiza curso de maquiagem para metalúrgicas

> SindMetal-GO inicia negociações do Acordo com empresas da Rocha Equipamentos

Fonte: Núcleo de Jornalismo e Assessoria de Imprensa