Mas a gasolina ainda continua com vantagem

São Paulo – Os preços do etanol devem começar a recuar nos postos de combustíveis do País a partir deste mês. Quase um mês e meio desde o início oficial da safra de cana, as cotações ainda estão sustentadas, ao contrário do que vem sendo observado nas usinas, onde os preços do biocombustível caíram 16,4% nas últimas três semanas.

“O que pesou neste ano foi o atraso no início da moagem”, disse o sócio e diretor da Canaplan e presidente da Associação Brasileira do Agronegócio (Abag), Luiz Carlos Corrêa Carvalho. Devido à forte estiagem em janeiro e fevereiro, o ritmo de trabalho no início de abril estava muito aquém do esperado para esta época do ano.

Dados do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea/Esalq/USP) mostram que desde o início da temporada, em 1º de abril, o preço médio do etanol hidratado, usado diretamente nos tanques de combustíveis, caiu 14,5% nas unidades produtoras de São Paulo, para R$ 1,1881 por litro, sem impostos. Apesar disso, o produto não é competitivo ante a gasolina em nenhum Estado nem no Distrito Federal já há sete semanas.

Fonte: O Popular