Situação de recessão técnica na economia do País é preocupante para os índices de emprego

Situação de recessão técnica na economia do País é preocupante para os índices de emprego, afirma o presidente da Associação dos Economistas de Goiás (Asecon), Edilson Aguiais. Na entrevista, ele orienta consumidores e empresários a manterem a precaução, pelo menos, até o final deste ano. 

O arrefecimento econômico já preocupa o nível de emprego?

A geração de empregos já desacelerou e o mercado deve começar a perder postos. Há empresas que já estão com previsão de fechar as portas nos próximos meses. Muita gente não é considerada desempregada agora, porque está na rua segurando bandeiras e trabalhando em campanha política. Depois que passarem as eleições, estará sem trabalho. E quando a crise atinge o trabalho, a situação é claramente ruim.

Qual sua orientação ao consumidor frente à esse cenário?

Ele tem de se precaver e evitar entrar em novas dívidas. Como a inflação já está alta, a Selic (taxa básica de juros) vai ter de subir e, daí, se quem tiver feito financiamentos pode ter um problema maior.

E os empresários, como devem agir?

Não é o momento de fazer investimentos, principalmente com a instabilidade econômica e política que passamos. Mesmo que esse comportamento individual vá prejudicar o todo, ele não pode apostar na loteria; tem de se precaver.

Fonte: O Popular