Mais um oficio foi encaminhado ao Simelgo com o objetivo de iniciar as negociações de 2014

Enquanto os associados exercitam o direito de cidadania participando das eleições da nova direção do SindMetal-GO, a campanha salarial dos trabalhadores da categoria prossegue seu rito legal com o objetivo de iniciar as negociações com o sindicato patronal.

Nesta quinta-feira, 23 de janeiro, mais um pedido de reunião entre as partes foi protocolado na sede do Simelgo. Este é o terceiro desde a entrega da pauta de reinvindicações que ocorreu em 02 de dezembro de 2013. No entanto, até o patronato não se pronunciou e com isso vai aproximando a data estabelecida para a renovação da convenção coletiva.

O presidente do SindMetal-GO, Roberto Ferreira, aduziu que o ideal seria chegar em 1º de abril e já ter o novo instrumento coletivo registrado na SRTE/GO e pronto para entrar em vigor, mas que dificilmente isso acontece pelo marasmo do sindicato das empresas que há anos tem retardado ao máximo as negociações deixando expirar a data base para obter vantagens e forçar os trabalhadores a aceitar qualquer proposta.

O próximo passo, caso o Simelgo não se pronuncie, será a busca de uma mesa redonda na SRTE/GO para mediar os interesses das partes. A categoria está mobilizada e aguardando com expectativa o desenrolar das estratégias definidas pela assembleia geral.

Veja também:

>Presença expressiva nas urnas neste primeiro dia de votação

>Acompanhe tudo o que acontece nas eleições do SindMetal-GO 2014 pela nossa TV SindMetal

>Começam as eleições para a nova diretoria de um dos maiores sindicatos de todo o Brasil

 

Fonte: Núcleo de Jornalismo e Assessoria de Imprensa