A desoneração da folha de pagamento é uma antiga reivindicação da CNI

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) disse que a desoneração da folha de pagamento, anunciada nesta quinta-feira pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, para 25 setores, melhora a competitividade das empresas e estimula o emprego. 'A indústria precisa pagar menos impostos para produzir mais, contratar mais trabalhadores e gerar mais renda na economia brasileira. Com a redução dos custos, vamos aumentar a competitividade do produto nacional e toda a população sairá ganhando', afirmou o gerente-executivo de Política Econômica da CNI, Flávio Castelo Branco.

A desoneração da folha de pagamento é uma antiga reivindicação da CNI. Recente pesquisa da entidade com 262 empresários mostrou que a desoneração da folha foi apontada como a principal medida de reforma do sistema tributário brasileiro, com 82% das indicações. A redução da burocracia para o pagamento de impostos ficou em segundo lugar. 'A diminuição dos tributos tem um peso muito importante para incentivar os investimentos do setor produtivo e elevar a competitividade brasileira', ressaltou Castelo Branco.

A CNI participa das discussões sobre a desoneração da folha de pagamentos em uma comissão formada por representantes dos empresários, do governo e dos trabalhadores. O objetivo, segundo a Confederação, é avaliar os resultados econômicos e os impactos fiscais da medida.

 

Fonte: Diário da Manhã (GO)