Setor da Indústria de Transformação lidera geração de emprego, de acordo com dados do Caged

De acordo com os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta quarta-feira (20), em fevereiro de 2013 foram gerados 11.675 empregos celetistas, equivalente à expansão de 1,01% em relação ao estoque de assalariados com carteira assinada do mês anterior.

O saldo de fevereiro foi de 65.674 admitidos e 53.999 desligados.  Apresentando em termos absoluto o melhor desempenho da região Centro-Oeste e em termos relativos o melhor do Brasil, com um crescimento três vezes maior que a média nacional, que ficou em 0,31%.

Os setores de atividade econômica que mais contribuíram para este resultado foram Indústria  de Transformação (4.255 postos) Serviços (3.731 postos) e Agropecuária ( 2.308 postos).

Na série ajustada, que incorpora as informações declaradas fora do prazo, no acumulado dos últimos doze meses, o montante de empregos gerados atingiu 61.368 postos de trabalho, correspondendo a um aumento de 5,54%.

“Goiás está surpreendendo em termos de geração de emprego, enquanto 11 estados da federação apresentaram saldos negativos o desempenho positivo no mês de fevereiro aumenta a expectativa de um ano promissor”, declarou o superintendente regional do Ministério do Trabalho e Emprego em Goiás, Arquivaldo Bites.

Fonte: O Hoje (GO)