As duas companhias formaram, em fevereiro, uma aliança global

As montadoras GM (General Motors) e PSA Peugeot Citröen terão uma fábrica conjunta no Brasil. A localização será definida até o dia 31 deste mês, e áreas nos Estados do Rio de Janeiro e de Minas Gerais estão sob análise.

As duas companhias formaram, em fevereiro, uma aliança global e um dos termos do acordo era compartilhar uma nova unidade de produção de veículos.

O investimento, segundo a revista “Veja” desta semana, será de € 1 bilhão.

No Rio, as empresas têm a preferência por se instalarem no sul fluminense, na região de Resende, onde já existe um polo automobilístico no qual a francesa Peugeot Citröen possui uma fábrica desde o final dos anos 90.

A região tem atraído ainda um grande grupo de fornecedores de autopeças, o que estimulou a norte-americana GM e a montadora francesa a olharem com atenção a área. Procuradas, as duas empresas não se pronunciaram.

Além das duas montadoras, o sul fluminense desperta o interesse de outros grupos que pretendem se instalar no Brasil, como a BMW.

ALIANÇA

A criação de uma aliança estratégica global tem o objetivo de elevar a rentabilidade e dar impulso à competitividade dos dois parceiros.

Com o acordo, as companhias passaram a dividir plataformas de veículos, componentes e módulos e criaram uma joint venture de compras para produtos e serviços com atuação em escala mundial.

Para fechar a aliança, a família Peugeot, controladora da PSA Peugeot Citroën, fez um aumento de capital de € 1 bilhão na companhia. Já a GM adquiriu uma fatia de 7% no capital do grupo francês, tornando-se o segundo maior acionista da empresa.

Fonte: Folha.com