Para iniciar uma ação de revisão do FGTS, o trabalhador precisa pedir junto à Caixa o extrato de todas as contas que teve no fundo, referentes à cada empresa trabalhada. A emissão é gratuita e o banco tem até cinco dias para emiti-la. Mas algumas pessoas que solicitaram o documento dizem que o prazo está mais demorado, devido ao aumento da demanda de solicitações nos últimos meses.

O POPULAR pediu informações à Caixa sobre o volume de pedidos de extratos feitos ao banco, mas a instituição não informou o número. Ela se limitou a responder, por e-mail, apenas que “o trabalhador tem a opção de gerar e visualizar extratos do FGTS por meio dos sites www.caixa.gov.br e www.fgts.gov.br”. Para isso, ele precisa de uma senha, que deve ser feita na própria Caixa.

Fonte: O Popular