10/02/2016

O índice de aumento salarial pretendido pelos empregados das empresas José Alves e Magaine (Tecnox) e Tele Dias Gravata (Fortnox) foi definido na tarde da quinta-feira, 5 de fevereiro, durante assembleia geral extraordinária comandada pelo presidente do SindMetal-GO, Eugênio Francisco. Os operários pedem 20% de aumento no Acordo Coletivo que pretendem firmar com a empresa este ano.


Presidente da entidade Eugênio Francisco dá início à assembleia

Outras reivindicações também foram discutidas e aprovadas na assembleia e acrescentadas à pauta que será negociada em breve. Além do aumento nos salários, os trabalhadores pedem aumento do piso salarial para R$ 1.144,00 mensais, fornecimento de auxílio transporte e vale alimentação. Outra reivindicação importante para este ano é o plano de saúde médico e odontológico, sem ônus para o empregado. A empresa já fornece o almoço sem custo para os obreiros.

Histórico

O Acordo Coletivo mantido entre as partes vinha sendo renovado anualmente desde 2009, mas foi interrompido em 2015 por vontade dos patrões. Na época, uma mesa redonda com os empresários chegou a ser realizada na sede do Ministério do Trabalho, mas o proprietário se negou a renovar o acordo e alegou que iria aguardar pelo fechamento da Convenção Coletiva da categoria. A atitude foi vista com estranhamento tanto pelos trabalhadores, quanto pelo sindicato.


Empregados pedem 20% de aumento em 2016