SindMetal-GO realizou assembleia na empresa para pôr em votação índice de 11% proposto na SRTE/GO

Na tarde de terça-feira (15 de maio), o SindMetal-GO foi até a Tecnox, empresa localizada no pólo industrial de Goianira, para colocar em votação a última proposta da empresa. O índice de 11% foi oferecido pela Tecnox durante a mesa-redonda realizada na SRTE/GO (Superintendência Regional do Trabalho e Emprego em Goiás), no último dia 9 de maio.


Presidente do SindMetal-GO, Roberto Ferreira, fala aos empregados da Tecnox

A assembleia foi marcada pelo clima de tensão entre os funcionários, que foram alertados pelo SindMetal-GO sobre o jogo de manipulação estabelecido pela empresa. Isso porque, antes da mesa-redonda, a Tecnox reuniu-se com seus funcionários para negociar o Acordo diretamente com eles. Esse tipo de estratégia é considerada ilegal, por constituir ato antissindical.


Assembleia na Tecnox decidiu pela aprovação da proposta de aumento

A palavra foi concedida aos trabalhadores, mas as manifestações foram poucas. Assim, o SindMetal-GO abriu a votação para os empregados da Tecnox presentes na assembleia. Com apenas um voto de diferença (20 votos a favor X 19 votos contra), o índice proposto pela empresa foi aprovado. O aumento é, apenas, 1% acima do valor rejeitado pelos trabalhadores.

Diante disso, o Acordo Coletivo de Trabalho 2012 será fechado com a Tecnox.

BRASMOM

Ainda na tarde desta terça, o SindMetal-GO esteve na sede da Brasmom, no pólo de Goianira, para entregar panfletos e esclarecer, para os empregados, a atual situação de impasse nas negociações com a  empresa. Além de entregar os folheto nº 9 do Chega Mais, o SindMetal-GO falou aos empregados sobre os próximos passos a serem dados.


SindMetal-GO entrega folhetos aos empregados da Brasmom

No último dia 9 de maio, a Brasmom se negou a repassar um aumento de 11% para seus funcionários. O SindMetal-GO já está tomando as providências jurídicas necessárias diantes da ilegalidade do ato cometido pela empresa. Com isso, agora, o caso será resolvido pelo MPT-GO (Ministério Público do Trabalho de Goiás), que julgará a causa.

Veja Também: 

> SindMetal-GO realiza sorteio do 1º de Maio

> SindMetal-GO realiza 40º Curso de Formação Sindical com turma especial

> SindMetal-GO faz homenagem ao trabalhador no Dia do Trabalho

Fonte: Assessoria de Comunicação SindMetal-GO