Equipe de base foi até as empresas para mais uma jornada de sindicalização da Campanha “De volta pro meu sindicato”

Nossa reportagem acompanhou a reunião com os associados que estavam afastados da entidade e os trabalhadores que ainda não eram filiados nas empresas Metal Light e Montar Instalações localizada na GO 070, saída para Inhumas, em Goiânia. A maior parte dos trabalhadores resolveu se associar e, aqueles que estavam com débitos, regressaram ao quadro de sócios.


Assessores de base se reunem com trabalhadores e explicam benefícios em ser associado

Operador de máquinas na empresa, Luciano Faustino acredita que a categoria deve se unir para defender seus direitos. “Porque se nós não nos juntarmos, quem ira lutar por nós? Acredito que o sindicato pode nos ajudar nessa missão” frisou o metalúrgico.


Empregados ficam atentos ás explicações

Lourenço Máximo, auxiliar metalúrgico, ainda não tinha conhecimento de seu sindicato. “Gostei dos benefícios e também das oportunidades de crescimento na área do trabalho com os cursos gratuitos” disse o operário. Segundo ele, é importante que o trabalhador se aproxime da sua entidade representativa. “É uma força para nós. Se todo trabalhador pensasse em fazer parte do sindicato seria melhor, independente da categoria” conclui.


Operários preenchem proposta de sindicalização

 

Veja também:

> Spat Metalúrgica celebra 30 anos e quem ganha é o trabalhador

> SindMetal apoia candidatura de ex coordenador de cursos

 

> Curso sobre legislação trabalhista inspira um novo programa de televisão

 

Fonte: Núcleo de Jornalismo e Assessoria de Imprensa