Alta foi de 3,6% em relação ao trimestre anterior, segundo a CNI. Custos de produção, de capital de giro e tributário subiram.

Após dois trimestres seguidos de queda, os custos da indústria brasileira voltaram a subir, aponta nesta terça-feira (10) o indicador da Confederação Nacional da Indústria (CNI). A alta foi de 3,6% no terceiro trimestre em relação ao período imediatamente anterior.

A alta é superior ao crescimento de 2,4% nos preços dos produtos manufaturados no mercado interno, destaca a CNI, após quatro trimestres seguidos em que os preços dos produtos manufaturados cresceram mais que os custos. “A indústria brasileira voltou a sentir pressão sobre sua margem de lucro”, diz o estudo.

Todos os componentes do indicador (que são custos de produção, de capital de giro e tributário) subiram no período, diz.

O custo de produção, que é formado pelos custos com pessoal, bens intermediários e energia, subiu 3,7%, o maior aumento dos últimos cinco trimestres.

O custo de capital de giro aumentou 13,1% e o tributário aumentou 2,3%.

 

Fonte: G1