Queda foi pressionada pela redução dos preços dos alimentos, que, mesmo assim, continuam altos

O consumidor fez a sua parte: comprou menos, boicotou produtos com preços altos, substituiu os de marcas por similares e o resultado deu certo: a inflação de Goiânia recuou em fevereiro e teve índice negativo de -0,2%, na comparação com janeiro (1,36%), registrando a menor taxa desde julho do ano passado (-0,17%).

A queda foi pressionada, basicamente, pela diminuição dos preços dos alimentos e dos artigos de habitação. Os dados são da pesquisa do Índice de Preços ao Consumidor (IPC), divulgado ontem pela Secretaria de Gestão e Planejamento (Segplan).

Variação
Segundo o gerente de Indicadores Econômicos e Sociais da Segplan, Marcelo Eurico de Souza, a variação negativa tem a ver com as promoções do mercado varejista, influenciada por menor demanda dos consumidores. “Observamos que o comércio em geral está bem estocado e o consumidor mais arredio”, afirmou.

 

Fonte: O Popular