A busca das empresas por  crédito recuou 6,1% em novembro, na comparação com o mês anterior, segundo pesquisa da Serasa Experian, divulgada nesta terça-feira (17). Em relação a novembro do ano passado, a alta na demanda das empresas por crédito foi de 3,9%.

De janeiro a novembro, a demanda das empresas por crédito caiu 1% na comparação com o mesmo período de 2012.

Na avaliação dos economistas da Serasa Experian, a continuidade das sucessivas elevações da taxa básica de juros (taxa Selic) impactaram negativamente a procura das empresas por crédito em novembro.

De acordo com a Serasa, todos os portes de empresa analisados reduziram sua demanda por crédito em novembro. A maior queda ocorreu nas micro e pequenas empresas, cujo recuo foi de 6,3% frente a outubro. Já as médias empresas registraram baixa de 3,9% na busca por crédito em novembro ao passo que nas grandes empresas houve retração de 1,3% na procura por crédito em novembro.

Já no acumulado do ano, as grandes empresas foram as que mais buscaram crédito, com alta de 18,4% de janeiro a novembro de 2013 frente ao mesmo período do ano passado. As médias empresas exibem crescimento de 4,1% no acumulado do ano. Por outro lado, o período de janeiro a novembro de 2013 registra queda de 1,5% na busca das micro e pequenas empresas por crédito.

Quanto aos setores analisados, a maior queda na demanda por crédito foi registrada pelas empresas industriais, com recuo de 8,3% frente a outubro. As empresas comerciais exibiram declínio de 6,7%, e as de serviços diminuíram a sua busca por crédito em 4,8% durante o mês de novembro.

No acumulado de janeiro a novembro de 2013, as empresas comerciais tiveram queda de 3,6% e as industriais, de 2,2%. Apenas as empresas de serviços estão com crescimento em suas demandas por crédito: alta de 2,7% no período de janeiro a novembro de 2013.

Fonte: G1