Com dificuldades impostas pela empresa, assessores decidem cancelar reunião e partir para meios legais

Nesta terça-feira, 30 de outubro,  a Assessoria de Base do Sindmetal-GO foi até a empresa CIPLAC para realizar uma assembleia de sindicalização. A reunião que já havia sido remarcada pela direção da empresa, não foi realizada. Isso porque a equipe foi informada pela CIPLAC de que teria apenas os 15 minutos finais do expediente para conversar com os empregados.

Com o tempo reduzido, os assessores de base decidiram desmarcar a assembleia. “Há quatro meses nós tentamos marcar uma reunião aqui na CIPLAC. Essa assembleia estava marcada para hoje (30) às 15h. De última hora, a empresa remarcou para 17h30, e quando chegamos aqui recebemos a informação de que teríamos apenas 15 minutos”, afirmou a assessora de base Suzielle Silvestre.

Diante da situação, o caso deve ser repassado ao Departamento Jurídico do SindMetal-GO. “Acreditamos que um ofício solicitando a reunião deva funcionar. Vamos entrar com os meios legais, pois esse é um direito do sindicato”, acrescentou Suzielle. A realização de assembleias de sindicalização é garantida pela cláusula 42ª da Convenção Coletiva de Trabalho, negociada pelo SindMetal-GO com o sindicato patronal, o Simelgo.

Veja também:
>> Trabalhadores participam de curso no SindMetal-GO
>> SPAT Metalúrgica 2012 é sucesso de público e de organização
>> Empresa também é responsável por promover a saúde do trabalhador

Fonte: Assessoria de Comunicação SindMetal-GO