Acordo fechado na montadora irá injetar R$ 60 milhões na economia do Estado. Benefício aumentou 66% em comparação ao ano passado

Após três dias de greve, os metalúrgicos da Volvo, em Curitiba, conquistaram hoje o maior acordo de Participação nos Lucros ou Resultados (PLR) já registrado na iniciativa privada brasileira, segundo o Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Sócio-econômicos (Dieese). O acordo foi aprovado pelos trabalhadores em Assembleia, na manhã desta quinta-feira (05), e prevê (PLR) de 170% do salário nominal, com um piso mínimo R$ 15 mil para cada trabalhador. O pagamento do benefício será realizado em duas parcelas, a primeira, no valor de R$ 7 mil será paga na semana que vem e a segunda em fevereiro de 2012.

O valor da proposta foi negociado em uma reunião realizada na tarde de ontem (04), no Tribunal Regional do Trabalho (TRT-PR), com dirigentes do Sindicato dos Metalúrgicos da Grande Curitiba  (SMC) e da montadora. O benefício teve um aumento de 66% em relação o ano passado, quando os metalúrgicos da Volvo receberam R$ 9 mil de PLR. O acordo de PLR fechado na Volvo neste ano irá injetar R$ 48 milhões na economia do Estado.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa do Sindicato dos Metalúrgicos da Grande Curitiba