Os trabalhadores estavam em greve desde ontem, após a empresa ter anunciado a demissão de mais 60 funcionários

Pressionada pela mobilização dos trabalhadores, a Wirex Cable vai conceder 90 dias de estabilidade para os funcionários que ficaram na fábrica, cancelou a demissão dos lesionados e cipeiros e se comprometeu, por escrito, a pagar as verbas rescisórias de todos os demitidos. Com isso, os metalúrgicos decidiram, em assembleia, retornar nesta quarta-feira, dia 16, ao trabalho.

Os trabalhadores estavam em greve desde ontem, após a empresa ter anunciado a demissão de mais 60 funcionários, somando 140 cortes em menos de uma semana. Além de demitir os funcionários, a empresa ainda havia anunciado que não tinha previsão de quando pagará as verbas rescisórias.

As demissões geraram forte apreensão entre todos os trabalhadores, que temiam pelo fechamento da fábrica. Em negociação com o Sindicato, a Wirex afirmou que não pretende encerrar as atividades em Santa Branca. Hoje, a empresa anunciou que entrou com pedido de recuperação judicial.

“É claro que o clima de apreensão continua na fábrica, mas sem dúvida houve um importante avanço com as mobilizações. Vamos continuar atentos a cada passo da empresa para garantir que todo acordo seja cumprido”, afirma o diretor Sílvio Peninck.

O acordo também inclui o pagamento do vale a partir de hoje, transferência do Departamento Financeiro de Diadema para Santa Branca e pagamento integral dos dias parados.

Fonte: Agora Vale (SP)