Trabalhadores conquistam 12% de aumento salarial

O SindMetal-GO realizou nesta segunda-feira, 02 de maio, uma assembleia com os trabalhadores da Metalúrgica Rezende para decidir sobre a nova contraproposta oferecida pelos patrões. Desta vez os funcionários da empresa aceitaram as cláusulas apresentadas, como auxílio-transporte, aumento do piso salarial, seguro de vida coletivo, além do aumento salarial de 12%. Um recorde!


Trabalhadores lêem o jornal “O Metalúrgico” antes do início da assembleia

Na última assembleia, os trabalhadores recusaram o índice de 10%, alegando não ser tão bom, já que a inflação ter ficado alta este ano. Desta forma, o SindMetal-GO se reuniu mais uma vez com os donos da Metalúrgica Rezende e conseguiu negociar um índice de aumento maior.


Funcionários da Metalúrgica Rezende votam a favor da contraproposta

O aumento conquistado por estes trabalhadores representa 90,1% acima da inflação. Motivo de comemoração para todos os funcionários. “Nos dois últimos anos conquistamos 9% de aumento e agora 12%. Isso mostra a nossa força”, se orgulha o soldadador Carlos Alberto dos Reis.

Carlos Alberto dos Reis comemorou o aumento, ressaltando a força dos trabalhadores

 

Veja também:

>> Nova rodada de negociação entre SindMetal-GO e Simelgo

>> Trabalhadores da Metalúrgica Rezende rejeitam contraproposta

>> Assembleia Geral rejeita contraproposta feita pelo Simelgo

 

Fonte: Assessoria de Comunicação do SindMetal-GO