CUT, Força Sindical, UGT, CTB, Nova Central, CGTB, CSP-Conlutas e Intersindical se reúnem nesta quarta (11), às 10 horas, na sede do Dieese em São Paulo. O objetivo é fazer um balanço das iniciativas do governo no final do ano e retomar as discussões e articulações, visando combater as políticas neoliberais propostas por Temer. Na pauta, as reformas da Previdência, trabalhista e o projeto de lei da terceirização.

“Esses temas dominarão a agenda do Congresso Nacional, a partir de fevereiro. A ideia é justamente começar a dar o tratamento da maneira como as Centrais vão enfrentar essas questões. De que maneira vão se mobilizar, se articular e tratar esses temas na Câmara e Senado”, disse à Agência Sindical o diretor técnico do Dieese, Clemente Ganz Lúcio.

Base – Para o presidente da Nova Central no Estado de São Paulo, Luiz Gonçalves, é preciso retomar o quanto antes essas discussões. “Nós precisamos debater e ver nossas alternativas de negociação com o Congresso Nacional e mobilizar a base. Levar essa discussão para as ruas”, afirma Luizinho.

Fonte: Repórter Sindical

Foto: Reprodução/Internet