Teve fim na sexta-feira, 25 de novembro, a 32ª edição da SPAT Metalúrgica, promovida anualmente pelo SindMetal-GO. A palestra que fechou o evento foi sobre o tema “Insalubridade, periculosidade e a aposentadoria especial para o trabalhador”, com a assessora jurídica da Ftieg e membro da comissão de direito sindical da OAB-GO, Dra. Raquel Luiza Cardoso. “Eu enalteço o evento, acho fundamental que os sindicatos repassem essas informações através de eventos como este pois os trabalhadores são carentes de informações” afirmou a advogada.

img_1771

Presidente do SindMetal-GO, Eugênio Francisco realiza entrega de certificado à palestrante

Durante a cerimônia de encerramento, o presidente do SindMetal-GO, Eugênio Francisco, propôs mais um manifesto referente ao dia D, um protesto sobre os cortes nos direitos trabalhistas. O dirigente, que se emocionou durante o grito de guerra entoado pelos participantes, se diz satisfeito com o saldo do evento. “É bonito ver mais de 350 trabalhadores unidos em prol da categoria. A maior recompensa é perceber no olhar de cada um a alegria ao final do evento. Nosso sentimento é de dever cumprido” diz ele.

Momento histórico da SPAT: trabalhadores e sindicato se juntam para um manifesto contra o corte de diretos trabalhistas

Momento histórico da SPAT: trabalhadores e sindicato se juntam para um manifesto contra o corte de diretos trabalhistas

O participante Edimar de Castro, empregado na Metalforte, se diz satisfeito com a semana. “São assuntos que nós não tínhamos conhecimento e é de extrema importância que estejamos alerta” diz o operário. O Agnaldo Rosa, mecânico montador na AP Retífica, tirou sorte grande. Foi dele um dos maiores prêmios sorteados durante o evento: a bicicleta. “Será muito útil, vou utilizar para ir ao trabalho todos os dias” comemora.

img_1920

Ganhador da bicicleta