A empresa Retífica de Motores Americana Ltda. terá que pagar R$ 20 mil reais de indenização por não fornecer lanche da tarde aos 20 empregados, benefício que é garantido na Convenção Coletiva de Trabalho da categoria. O processo foi inciado em 21 outubro de 2015, na 17ª Vara de Goiânia, mas o acordo entre a empresa e a justiça só foi finalizado em outubro de 2016.

Antes de o juiz determinar a sentença, a Retífica acatou a proposta apresentada e sugerida por ele no valor determinado. Os empregados receberão a quantia conforme o tempo que estão trabalhando na empresa. O valor será dividido em cinco parcelas, valendo a partir do mês de abril de 2014, quando a empresa iniciou o não fornecimento do benefício, e outubro de 2015, ao ser notificada. A primeira quantia foi recebida em outubro de 2016, há um mês.

Advogado do SindMetal-GO e responsável pela ação, Dr. João Batista Camargo destaca o diferencial da entidade em não só realizar o papel negocial, mas também o de fiscalizar e fazer com que as empresas se responsabilizem pela irregularidade cometida. “Sindicato atuante é aquele que, além de dialogar com seus representados, fica de olho nessas falhas e corre atrás dos direitos dos trabalhadores”, diz.